DIOCESE
DE PATOS

O Advento é Tempo de Esperança – O Senhor está perto

A Espiritualidade do Advento, tempo de preparação para o Natal do Senhor, está fundamentada no grande Mistério do Amor de Deus por toda a humanidade. Deus não se realiza no distanciamento dos seus filhos e filhas, mas na constante aproximação de amor. Este amor sem fim e inesgotável que está sempre pulsando no seu coração. No Antigo Testamento, vemos que “Deus escuta o clamor do seu povo e vem ao seu encontro para salvar, para libertar”. Os profetas sempre anunciaram a ação de Deus em favor do seu povo. É o Deus que vem que se aproxima que assume a história da humanidade. Ele é o Deus perto, próximo. No Evangelho segundo São João, bem no início (1,14) encontramos esta verdade em letras grandes: “O VERBO SE FEZ CARNE E HABITOU ENTRE NÓS”. Em Jesus Cristo, Deus assume a história humana para recuperar nela o que pelo pecado se perdeu. O Deus Conosco não fica indiferente aos sofrimentos, aos clamores, aos gritos de seus filhos e filhas mergulhados no desespero, na solidão, na miséria, na violência e na morte. Ele assume porque nos ama com amor incondicional.

A humanidade ainda está sofrendo muito. Apesar da tecnologia, das super safras em todo o mundo, dos altos índices de crescimento econômico, dos números milionários, bilionários e trilionários que os governos anunciam é fácil ver os famintos que mal respiram pedindo um pouco de comida. Se tivessem força poderiam ainda gritar para que o desperdício fosse evitado e tantas sobras deixassem de existir, cedendo lugar ao milagre dos pães repartidos.

A única força capaz de eliminar o sofrimento das pessoas vítimas de tantas tragédias (destruição) e outras formas de experiências dolorosas é a solidariedade, a partilha e a recuperação do valor maior, a vida. A nossa esperança se renova. O nosso Deus escuta e vem ao nosso encontro para nos libertar e tornar-nos sujeitos engajados neste projeto de vida para todos.

A Igreja reconhece este tempo como uma oportunidade para reforçar nas atividades, nos gestos, nas palavras e na oração a realização do sonho de Deus. O destaque maior que deverá ser dado neste tempo de advento e natal é o coração das pessoas como lugar de nascimento, de acolhimento de Jesus. Quando Ele nasceu não havia lugar para Ele nas hospedarias e hoje? A nossa vida, a nossa sociedade tem lugar para Deus? Todas as famílias podem preparar o Natal através da oração dos encontros do Natal em Família. Também poderão participar da Campanha da Evangelização e cada um veja como ajudar as pessoas a vivenciarem esta festa de forma digna. Que os pobres que são os preferidos de Deus, também sejam os nossos preferidos. Com o Profeta Isaías invoquemos a Deus pedindo que a justiça e a paz se derramem sobre nós, como nuvens derramam a água sobre a terra. VEM SENHOR PARA SALVAR O VOSSO POVO.

Dom Eraldo Bispo da Silva
Bispo Diocesano de Patos

COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS