DIOCESE
DE PATOS

Diocese de Patos reúne secretários municipais pra discutir temática da Campanha da Fraternidade sobre a fome

A Diocese de Patos promoveu um encontro com 40 representantes de municípios da região metropolitana da cidade para discutir a insegurança alimentar e o combate à fome, temática abordada neste ano pela Campanha da Fraternidade (CF), da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). A reunião aconteceu na manhã deste sábado (18) no salão paroquial São Paulo, anexo da Catedral de Nossa Senhora da Guia, na zona central da Morada do Sol.

A proposta do encontro partiu da equipe organizadora da CF na Diocese e reuniu secretários municipais de Agricultora e Desenvolvimento Social dos municípios de Nova Olinda, Água Branca, Taperoá, Santa Terezinha, Princesa Isabel, Livramento, Maturéia, Catingueira, Junco do Seridó, Santa Luzia, Teixeira, São José do Sabugi, Juru, Santana dos Garrotes, Imaculada, Assunção e Patos.

Dom Eraldo Bispo da Silva, bispo de Patos, abriu o encontro que contou com explanação sobre insegurança alimentar na região do semiárido feita pelo professor Irenaldo Pereira à luz do Texto-base da Campanha da Fraternidade no eixo VER a realidade da fome. Já o professor e teólogo Daniel Leite explanou a realidade da fome a partir do eixo ILUMINAR com a luz da Palavra.

A Campanha da Fraternidade é realizada anualmente durante o período da Quaresma. No entanto, sua temática é abordada durante todo o ano em escolas, grupos, sociedade e governos. Neste ano, tem como tema “Fraternidade e Fome” com o lema “Dai-lhes vós mesmos de comer!” (Mt 14,16). Esta é a terceira vez que a CNBB propõe a fome como abordagem da CF (1975, 1985 e 2023).

Com a CF, a Igreja no Brasil busca alertar para a necessidade de garantir segurança alimentar para a população e que a desigualdade social que gera a fome possa ser combatida.

Texto: José Filho, jornalista

COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS