DIOCESE
DE PATOS

Mesa Redonda em comemoração 60 anos da Ação Social Diocesana de Patos

Foi realizado na manhã desta segunda-feira, 30, um evento na sede da Ação Social Diocesana de Patos – ASDP em comemoração aos seus 60 anos de sua existência.
A organização que trabalha em parceria com outras organizações internacionais e nacionais tem o objetivo de promover e articular ações de assistência social, cultural e educacional de base utilizando grupos sociais e indivíduos que vivem em situações de vulnerabilidade social, econômica e ambiental.
Em comemoração aos 60 anos da ASDP, agricultores beneficiados, funcionários, padres e o Bispo da Diocese de Patos, Dom Eraldo Bispo da Silva, participaram do evento. O agricultor, Heleno Bento de Oliveira, do Sítio Lagoa de Brejinho, município de São José do Sabugi, comemorou a parceria da comunidade rural com os projetos realizados pela Ação Social.
“Tem sido uma grande parceira na comunidade desenvolvendo algumas atividades como o P1MC que teve essa parceria, o P1+2 e os programas que envolvem a capacitação. Com a organização das associações, tem sido um grande incentivo”, disse.
Já o agricultor Levi Araújo da Silva, morador do Sítio Genipapo no município de Condado, esclareceu que depois de ter conhecido a Ação Social, desde 2012, começou a mudar seu comportamento, pois, antes, produziu seus alimentos com agrotóxico, o que prejudicava a saúde. “Eu sou vítima do agrotóxico e meu sonho era um dia ficar livre dessa praga e hoje eu já me livrei, já plantei um pouco esse ano mesmo com as poucas chuvas que veio. Porque é um desafio muito grande. E seu eu tivesse conhecido a Ação Social há mais tempo ou pelo menos há 20 anos eu era um agricultor diferente”, afirmou.
O presidente da Ação Social Diocesana de Patos, Padre João Saturnino, disse que a entidade contribui com um processo de construção para um mundo melhor para as pessoas, onde os pobres tem acesso. “Evidentemente que a Ação Social como sendo organismo vivo da Diocese de Patos tem uma gerência própria, sua diretoria, seus recursos, sua sede, mas, trabalhamos em sintonia com o plano de pastoral de nossa Diocese”, explicou.
As principais atividades executadas dentro da ASDP são a Educação Contextualizada, agricultura familiar, economia solidária, Programa Cisterna nas Escolas, projeto Movendo Cidadania, Comunidades Quilombolas, Programa Um milhão de Cisternas, Programa Uma terra e Duas Águas, Comunicação Popular.
A Ação Social Diocesana de Patos possui 23 funcionários e três voluntários, estando localizada no Bairro Brasília. Ela é uma sociedade civil de direito privado, de duração indeterminada, de âmbito estadual, com abrangência no estado da Paraíba, de caráter beneficente e filantrópico, sem fins lucrativos, com sede e foro na cidade de Patos-PB.
ASDP – Patos

COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS